Sistemas expositivos projetados por Bergmiller. O caso do MAM RJ

A questão museográfica é matéria hoje bastante discutida, mostrando-se de interesse para a pesquisa em arquitetura, design e arte, tanto em relação às suas origens, como em relação à sua expressão contemporânea. O trabalho a seguir é a apresentação de um dos primeiros sistemas expositivos contemporâneos brasileiros, desenvolvidos para o museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro entre anos ‘60 e 70’, por Karl Heinz Bergmiller.

Trabalho apresentado no P&D 2010.

TEDESCO BERTASO, Maria Stella; Mestre pela FAUUSP;
BRAGA, Marcos da Costa; Doutor em História Social; Docente da FAUUSP bragamcb@usp.br

_leia mais