Frank Gehry, Bruce Mau e o chapéu Panamá

Minha última viagem foi peculiar: um natal na ciudad de Panamá. O Panamá é uma terra de contrastes. Imediatamente lembramos-nos do canal, do chapéu (curiosamente originário e produzido no Equador e, a partir de 2012, na lista do patrimônio cultural intangível da UNESCO) ou talvez do escândalo Panamá Papers (dinheiro estrangeiro guardado sem impostos a partir da ditadura de Noriega).

Mas o Panamá vale ser visto para além das obviedades e além do canal. O bom seria passar uns dias na área urbana, caótica, é bem verdade, e fazer passeios pelas praias ou talvez pelas aldeias indígenas (sugeridos pelos entendidos no turismo). Um dos novos lugares que vale a visita é sem dúvida o novo museu da biodiversidade ou o Biomuseu.

Cidade do Panamá | 26.12.2016 | Diário de viagem

_leia mais